Como usar a técnica de pomodoro para aumentar a produtividade e manter o foco

A técnica de pomodoro é ótima para aumentar produtividade, manter o foco, driblar a procrastinação e auxiliar as pessoas que tem dificuldade de se planejar.

Conhece alguém que pode achar esse conteúdo interessante? Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on pinterest

Se você precisa aumentar a sua produtividade e manter o foco, a técnica de pomodoro é uma maneira simples de resolver esse problema. Esse método é ótimo para quem sofre com a procrastinação e tem dificuldades de se planejar, já que ele busca evitar as interrupções e distrações e cortar o excesso de estímulos externos tão maléficos para quem precisa manter o foco. A técnica de pomodoro é super simples e você só vai precisar de um cronômetro e da sua lista de atividades. Então, vamos lá colocar a mão na massa?

O que é a técnica de pomodoro?

A técnica de pomodoro é um método para gerenciar tempo aliando pausas e blocos de atividades. Ela foi criada nos anos 80 por Francesco Cirillo, que – na ocasião – queria aumentar a produtividade dos próprios estudos e, por isso, precisou buscar um método que funcionasse para ele. Desse modo, ele fez diversos testes até chegar ao “pomodoro”.

Vantagens da técnica de pomodoro

Como vantagens da aplicação desse método, temos:

  • Aumento da produtividade e do foco;
  • aumento da motivação e determinação para alcançar objetivos;
  • redução da procrastinação;
  • melhora dos processos de trabalhos, já que fica mais fácil gerenciar tarefas e cumpri-las;
  • redução do stress, pois você faz uma coisa de cada vez e evita a prática da multitarefa, que causa esgotamento mental.

Leia também: Como manter o foco e evitar distrações em época de Enem.

Organizando seu pomodoro

Pomodoro significa “tomate” em italiano. A técnica leva esse nome porque, quando Francesco estava fazendo seus testes, ele utilizou um crônometro de cozinha em forma de tomate.

Mas você não precisa de um cronômetro igual, apenas siga o passo a passo da receita para obter os melhores resultados nos seus estudos.

  • Selecione os assuntos a serem estudados no dia ou aproveite para atualizar aquelas tarefas pendentes;
  • comece pela tarefa mais importante para começar o dia dando o gás na sua produtividade;
  • agora, separe seus estudos em blocos de 25 minutos, intercalando com pausas de 5 minutos;
  • repita o processo 5 vezes e, ao finalizá-lo, descanse 15 minutos;
  • concluída a tarefa, risque-a da lista e siga para a próxima.

25 minutos + 5 minutos = 1 pomodoro.

Estude 25 minutos e descanse 5. Quando concluir o 5° pomodoro, descanse 15 minutos e, então, recomece.

Mas, atenção, respeite as suas pausas sempre. Assim, aproveite para levantar da cadeira, fazer um alongamento, caminhar um pouco, beber água, ir ao banheiro, pois esse é o momento que o seu cérebro relaxa de uma atividade intensa sem interrupções. E isso é muito importante para você, pois esse respiro é necessário para que você não sobrecarregue sua mente e evite o stress por excesso de atividades.

Lidando com as interrupções

O objetivo dessa técnica é não fazer interrupções, pois dessa maneira você consegue aproveitar ao máximo a sua concentração. No entanto, se você sofrer alguma interferência externa que o faça pausar o estudo antes do término do bloco, retome a contagem do início.

A técnica de pomodoro sugere o tempo de 25 minutos de foco e 5 de pausa, porém analise como você responde ao método e desenvolva a modo que melhor funcionar para você.

Por exemplo, se a sua atividade do dia for muito intensa e você sente que vai precisar de um pouco mais de tempo para descansar, faça isso. Mas de forma organizada. Faça 4 pomodoros, ao invés de 5 e descanse 30 minutos ao invés de 15.

Aviso de porta com a frase "não perturbe" evidenciando a necessidade não se fazer interrupções na técnica de pomodoro

Às vezes, dependendo da atividade, é melhor alterar o tempo para não perder o foco quando você conseguiu pegar no embalo. Porém, lembre-se sempre que o principal é que conseguir manter a sua atenção. Afinal, também não adianta marcar 25 minutos e ficar se distraindo.

Uma dica é: esse método é muito útil quando você estiver estudando vários assuntos semelhantes de uma mesma disciplina, pois a técnica de pomodoro é ótima para atividades que não exigem muito tempo. Ou seja, ela não vai funcionar para quando você estiver treinando redação, por exemplo.

Por fim, realize seus próprios testes de acordo com o tempo que você leva para se manter focado e da sua necessidade de descanso.

Se você consegue ler bem em inglês e quiser saber mais sobre a técnica de pomodoro, leia o artigo escrito pelo próprio autor clicando aqui.

Você já testou algo assim? Conta pra gente como foi. Que outras técnicas você utiliza para manter o foco, aumentar a sua produtividade e evitar a procrastinação?

Mais conteúdo sobre o ENEM

Como organizar o local de estudo com o 5S?

Como organizar o local de estudo com o 5S?

Vida de estudante não é fácil, né? Se você tenta dar o máximo de si todos os dias e vê que o estudo não está rolando, pode não ser a técnica, mas sim o ambiente em que você está estudando.

Técnicas de estudo para o Enem
técnicas de estudo

6 técnicas de estudo para arrasar no Enem

Se você é uma pessoa que gosta de testar várias técnicas de estudo para o Enem, está no lugar certo! Pois com tantos conteúdos para dar conta, é importante você encontrar uma ou mais técnicas que para te ajudar na

Dá para estudar para o enem em 5 meses?
estratégias de estudos

Dá para estudar para o Enem em 5 meses?

O primeiro passo é ver o tempo como um fator positivo. Por isso, não pense que você tem APENAS 5 meses até a prova do Enem e sim que você tem MAIS 5 meses até a prova! E para aproveitar o máximo possível do seu tempo, você pode usar estratégias como…